Aeroportos

O rápido aumento da inovação e da transformação digital dos aeroportos criou perfis de risco mais complexos e ecossistemas interdependentes. Os programas de gerenciamento de risco e seguro da Marsh ajudam os proprietários e operadores de aeroportos a gerenciar a volatilidade de hoje e planejar o futuro.

O rápido aumento da inovação e da transformação digital dos aeroportos criou perfis de risco mais complexos e ecossistemas interdependentes. Os programas de gerenciamento de risco e seguro da Marsh ajudam os proprietários e operadores de aeroportos a gerenciar a volatilidade de hoje e planejar o futuro.

Os aeroportos estão focados além da melhora na experiência do passageiro e a eficiência operacional. Agora, englobam segurança inteligente e iniciativas verdes, enquanto continuam a impulsionar o crescimento da receita.

Dada a duração e os impactos da pandemia da covid-19, os proprietários e operadores de aeroportos em todo o mundo enfrentam uma volatilidade sem precedentes. Como a trajetória da pandemia tem sido assimétrica, é muito difícil antecipar com precisão os desenvolvimentos futuros e produzir previsões financeiras significativas de médio prazo. Essa volatilidade contínua resultou em um foco apropriado na resiliência organizacional, excelência operacional e uma revisão crítica das despesas operacionais anuais.

Protegendo e desbloqueando novas possibilidades de crescimento

A Marsh criou um Grupo de Aeroportos dedicado a fornecer aos nossos clientes liderança inovadora, percepções baseadas em dados e inteligência acionável.

Nossa missão é ajudar você a gerenciar melhor os riscos atuais e antecipar os riscos emergentes, avaliar objetivamente o impacto do risco em seu negócio e contribuir para o desenvolvimento de uma filosofia de gestão de risco que seja apropriada e responsiva ao novo ambiente comercial do setor aeroportuário e à volatilidade contínua do cenário de risco global.

Ao liderar com uma abordagem “risco antes do seguro” no suporte a aeroportos em todo o mundo, temos uma visão holística para entender, gerenciar e mitigar seus riscos, aproveitando o conhecimento e a experiência de todos os negócios da Marsh McLennan.

Você pode contar com nossa experiência no setor, construída com base em líderes de gerenciamento de risco na indústria aeroportuária e em nossos hubs de aeroportos especializados em todas as regiões.

300+

Aeroportos clientes

40%

Segundo o ranking Skytrax 2021, os 20 melhores aeroportos escolhem a Marsh 

US$40

bilhões em projetos de construção de aeroportos

Related articles

FAQs

Embora a classificação dos principais riscos e desafios para os aeroportos varie por região, os proprietários e operadoras estão abordando de forma consistente as questões ESG, a construção de programas de automação e digitalização, a otimização da infraestrutura e capacidade do aeroporto, a proteção e segurança física e cibernética, e o planejamento estratégico da força de trabalho.

A covid-19 levou a uma rápida inovação nos aeroportos e à necessidade de adotar tecnologias inteligentes para fornecer um ambiente seguro e sem contato para os passageiros e para a comunidade aeroportuária em geral.

Com esse impulso para a digitalização, os aeroportos mudaram efetivamente seu perfil de risco. Suas maiores exposições não são mais os ativos de terminais físicos, mas um novo mundo de ativos digitais e riscos online. Eles precisam se certificar de que evoluem sua metodologia de risco e reavaliam sua adequação para uma era digital de viagens pós-covid-19.

A mudança climática tem o potencial de afetar os negócios dos aeroportos por meio de mudanças físicas, transitórias e regulatórias. Os aeroportos devem se preparar e responder, entendendo e minimizando os impactos diretos e indiretos associados às mudanças climáticas, reduzindo de maneira econômica os níveis de energia e de emissão de gases de efeito estufa, e atendendo aos requisitos regulamentares relevantes.

As estratégias de mitigação possíveis incluem compensação de carbono, incentivos para aeronaves com baixo consumo de combustível ou aeronaves elétricas, sustentabilidade e políticas de gestão de resíduos e de consumo de energia sustentável.